Varela critica terceirização na Bahia: “É uma vergonha”

Depois da Câmara dos Deputados ter aprovado, nesta quarta-feira (22), o projeto de lei que autoriza o trabalho terceirizado de forma irrestrita para qualquer tipo de atividade, o apresentador Raimundo Varela criticou as terceirizadas que atuam na Bahia, no programa Balanço Geral desta quinta-feira (23).
“Na Bahia, esquartejaram o trabalhador. Ele procura fundo garantia e não acha. Procura salário e não acha. O que mais tem aqui é caloteiro. É uma vergonha”, lamentou o apresentador.
Varela citou ainda que o Governo da Bahia tem 75 mil terceirizadas, sendo 25 mil só na educação. “Pergunte aos trabalhadores se as terceirizadas cumprem
as obrigações trabalhistas”, alfinetou o apresentador. (varelanoticias)

Nenhum comentário:

Postar um comentário