Dois de Julho - fogo simbólico sai de Cachoeira em direção a Salvador

O fogo simbólico, que faz parte das comemorações pela Independência da Bahia, saiu na manhã desta sexta-feira (30), do município de Cachoeira, no Recôncavo da Bahia. O fogo vai em direção ao município de Saubara.
Ele será conduzido por homens do Exército e atletas das cidades de Saubara, Santo Amaro, São Francisco do Conde e Simões Filho. O Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) está escoltando o percurso do fogo simbólico.
De acordo com a Polícia Militar, depois de passar por Saubara e Santo Amaro, o fogo simbólico vai chegar em São Francisco do Conde, o último destino do trajeto de hoje, onde vai passar a noite.
Neste sábado (1º), vai percorrer as cidades de Candeias e Simões Filho, com previsão de chegada em Pirajá por volta das 17h. A Banda de Música Maestro Wanderley da PM recepcionará o fogo simbólico com execução de hinos e de
dobrados.
A programação oficial segue com a celebração do Te Deum, que este ano vai homenagear a historiadora Consuelo Pondé de Sena, que morreu em maio de 2015 e que era uma das incentivadoras da festa. Às 16h está prevista a chegada do fogo simbólico em Pirajá. Em seguida, será acendida a pira no Largo de Pirajá, com cerimônia de hasteamento de bandeiras e colocação de flores do túmulo do General Labatut.

Dia Festivo
Já no dia 2 de julho, no domingo, a celebração começa às 6h, com alvorada de fogos. O prefeito ACM Neto participa das comemorações, na Lapinha, a partir das 8h. A programação inclui o hasteamento das bandeiras, no Pavilhão Dois de Julho, às 9h, com a execução do Hino Nacional pela Banda de Música da Marinha do Brasil, nas presenças do governador Rui Costa, do presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Ângelo Coronel, e do presidente do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia, Eduardo Morais.
Na sequência, o prefeito e as demais autoridades prestam as homenagens no monumento do General Labatut, e assistem à apresentação dos carros emblemáticos do Caboclo e Cabocla, além do hino ao Dois de Julho, executado pela Banda de Música da Marinha do Brasil. Às 9h30, tem início o cortejo cívico, com uma breve parada em frente ao Convento da Soledade, na Ordem Terceira do Carmo, e na Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos. No fim da manhã, às 11h30, serão recolhidos os carros emblemáticos, com a retomada da programação pela tarde. O prefeito participa de todo o cortejo.
Após o desfile, ACM Neto retorna à programação às 15h, com a cerimônia cívica no 2º Distrito Naval, parte às 15h30 para solenidade na Câmara de Vereadores, e às 17h, no Campo Grande, com a chegada dos carros emblemáticos. O ato contará ainda com hasteamento das bandeiras do Brasil, Bahia e Salvador, colocação de coroas de flores no monumento ao 2 de julho pelas autoridades presentes e acendimento da Pira do Fogo Simbólico pelo atleta cabo da Polícia Militar da Bahia, José Francisco Rodrigues. Para o dia do cortejo, mobilizados 555 alunos da rede municipal de ensino, que integram as fanfarras que animarão o evento.
O tema das festividades deste ano para o Dois de Julho será Salvador - Marco da Independência, exaltando o papel da primeira capital do país na luta pela libertação do domínio português. As comemorações se encerram no dia 5 de julho, com a volta dos carros do Caboclo e da Cabocla para o Largo da Lapinha. (correio24horas)

Nenhum comentário:

Postar um comentário