Não tem um empresário que não ganhou quando fui presidente, afirma Lula

O ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, que está em Salvador de passagem com a caravana da qual ele afirma não ser pré-campanha, concedeu entrevista nesta sexta-feira (18), ao jornal Bahia No Ar, 1ª edição, da Rádio Metrópole, com Mário Kértesz.
Desde quinta (16) na capital baiana, Lula diz ter ficado emocionado com a passagem ontem pela Arena e Estação de Metrô. "Caravana é pra saber se evoluiu alguma coisa, sentir o povo brasileiro. Escutar mais e para que a gente possa aprender. Ontem, eu se fosse um cara que tivesse um coração fraco..foi muito forte a visita às obras do metrô. O comportamento dos trabalhadores. Foi muito afago do povo baiano", afirmou.
Segundo o petista, "este país já foi melhor, o povo deste país já teve mais esperança. É preciso mais carinho e mais amor por este país para ele voltar a crescer". Questionado sobre as reações de empresários ao seu governo e ao seu nome, Lula retrucou: "Não tem um empresário que não ganhou quando fui
presidente".
Hoje, Lula segue para a Cruz da Almas onde recebe título de Doutor Honoris Causa, na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), às 10h e pela tarde participa do Festival da Juventude. Em seguida vai a São Francisco do Conde, onde será será patrono na colação de grau de estudantes da Unilab (Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira), às 19h.
No sábado (19), vai à Feira de Santana, quando participa de um ato de Defesa das Políticas Públicas para o Semiárido e Agricultura Familiar, às 11h, políticas como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e de cisternas que têm sido reduzidas ou desmontadas. Antes, às 8h, participa de encontro com prefeitos.
Em solo baiano, Lula vai a dois redutos petistas e dois redutos do Democratas. A ideia da Caravana é seguir da Bahia ao Maranhão. (bocaonews)

Nenhum comentário:

Postar um comentário