Audiência entre MP-BA e CL Empreendimentos termina sem acordo

Terminou sem acordo uma audiência de conciliação entre representantes do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) e da empresa CL Empreendimentos, dona da embarcação que fazia a travessia Salvador- Mar Grande e que naufragou em agosto deste ano, deixando 19 pessoas mortas.
A reunião aconteceu na terça-feira (10), na 8ª Vara da Fazenda Pública, e faz parte de uma ação civil pública de 2014, na qual o MP-BA alertava sobre as condições de precariedade, inadequação e insegurança das lanchas que fazem o transporte.
De acordo com Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), como as partes não chegaram a um acordo, a ação seguirá para as etapas de saneamento e instrução. Ainda não há data para a realização desses procedimentos.
Em agosto deste ano, de maneira complementar a ação civil pública de 2014 que fez parte da sessão desta terça-feira, o MP pediu a suspensão de travessia
marítima entre Salvador e Mar Grande. O pedido ocorreu também por conta da tragédia com a embarcação Cavalo Marinho I, no dia 24 de agosto, que resultou na morte de 19 pessoas. Contudo, o pedido de suspensão foi negado pela Justiça. (bocaonews)

Nenhum comentário:

Postar um comentário