Salvador - Estelionatários são presos vendendo vagas de emprego

A delegada Maria Dail Sá Barreto, titular da 1ª Delegacia Territorial (DT), dos Barris, anunciou, nesta sexta-feira (27), a prisão do casal de estelionatários Solange Aparecida Geroldo e José Vicente Cavazinee, que vinha aplicando um golpe, em Salvador, ao cobrar entre R$ 2 mil e R$ 3 mil por falsas vagas de empregos.
Solange e José foram presos, na manhã de hoje (27), num apartamento alugado por eles, na região da Paralela, por investigadores da 1ª DT/Barris. A dupla abordava os desempregados alegando ter um contrato com a Prefeitura de Salvador para contratar funcionários que trabalhariam numa grande obra.
A polícia apurou que a dupla exigia o pagamento de quantias, que variavam de acordo com o perfil e poder aquisitivo da pessoa, para garantir a falsa vaga. Depois que recebia o pagamento, o casal desaparecia. “Pelo menos dez pessoas
caíram no golpe aplicado por eles”, avaliou a delegada.
Conduzidos à sede da 1ª DT/Barris, onde foram apresentados à imprensa no final da manhã, Solange e José Vicente foram autuados em flagrante por estelionato e, em seguida, encaminhados à audiência de custódia no Núcleo de Prisões em Flagrante (NPF), na Avenida ACM. (policiacivil.ba)

Nenhum comentário:

Postar um comentário