Semana de Formação do Clero da Diocese de Amargosa reflete sobre direito matrimonial

Aconteceu entre os dias 16 e 20 de outubro, a Semana de Formação do Clero da Diocese de Amargosa. Os padres, juntamente com os seminaristas, se reuniram com o bispo Dom Valdemir Ferreira para refletir as questões ligadas ao direito matrimonial, e seus processos a partir do Código do Direito Canônico, bem como situações da área trabalhista, que fazem parte do processo de administração de uma paróquia.
A formação foi uma oportunidade de relembrar a Doutrina do Sacramento do Matrimônio, o Projeto e o desígnio de Deus para esta instituição de direito divino, de apresentar elementos que auxiliem no acompanhamento ou encaminhamento de processos jurídicos canônicos, sobretudo, relacionados com o matrimônio no âmbito de eventual declaração de nulidade do casamento e, retomar a importância da Câmara Eclesiástica da Diocese e a composição de seus processos matrimoniais.
O tema do direito matrimonial foi abordado pelo padre Gerson Pereira de Figueiredo, Assessor Canônico da Arquidiocese de Feira de Santana. Já a temática trabalhista foi discutida pelo padre Edézio Ribeiro, Pároco da Paróquia de Nazaré das Farinhas, o qual é Mestre em Direito Canônico e Compõe o Tribunal Inter-diocesano de Salvador como Defensor do Vínculo e Promotor de Justiça.


Padre Nelson Franca, Pároco da Paróquia Santo Antônio de Jesus, em Santo Antônio de Jesus, também assessorou as discussões sobre o sacramento do matrimônio. Ele é Licenciado no Direito Matrimonial e acompanha as realidades próprias ao sacramento na Câmera Eclesiástica da Diocese de Amargosa. (Tribuna do Recôncavo | Informações: Padre Valter Moura)

Nenhum comentário:

Postar um comentário