Bahia vence o Avaí de virada e embala na Série A

Uma partida para consolidar o grande momento que o Bahia vive na Série A. Mesmo tendo saído perdendo, o tricolor teve força para empatar e virar diante do Avaí na Ressacada. Marquinhos abriu o placar para o time mandante, mas Edigar Junio, duas vezes, garantiu o triunfo tricolor por 2x1, na noite desta quarta (8). Agora com 45 pontos, já é permitido ao Bahia só olhar pra cima.
O jogo começou numa velocidade acima do normal, que se manteve durante boa parte do primeiro tempo. Os donos da casa ditaram o ritmo e chegaram com perigo por três vezes. Na primeira, Thiago Martins recuou mal, Junior Dutra se antecipou, invadiu a área e chutou cruzado, mas Jean pegou firme e não deu rebote.
O atacante catarinense seria também o protagonista dos dois lances seguintes. Após boa troca de passes, ele recebeu na direita e chutou cruzado, mas Eduardo cortou. Em seguida, Dutra recebeu novamente dentro da área, girou para cima de Thiago Martins e finalizou para outra boa defesa de Jean. Tudo isso
aconteceu em apenas cinco minutos.
Se nas vezes em que havia sido exigido Jean mostrara estar ligado no jogo, aos 16 minutos o camisa 1 cometeu uma falha que foi fatal. O experiente meia Marquinhos cobrou falta, a bola passou no meio da barreira e quicou na frente do goleiro tricolor, que aceitou. Avaí 1x0.
O Bahia fazia uma partida muito ruim, com erros de posicionamento, encontrando dificuldades para impor seu jogo. Aos 32 minutos, no entanto, a bola parada, sempre a melhor alternativa quando uma equipe não está num bom momento dentro do jogo, mostrou mais uma vez a sua eficiência. Juninho cobrou falta forte, por fora da barreira, a bola bateu nas duas traves e, após Renê tentar na primeira vez, Edigar Junio apareceu para fuzilar o goleiro Douglas e empatar. Foi o oitavo gol do artilheiro tricolor na Série A, o 11º na temporada.
O tricolor voltou do intervalo sem mudanças, mas com uma postura completamente diferente. Com mais posse de bola, a equipe dominou completamente o Avaí no início da segunda etapa. Logo aos seis minutos, Juninho cobrou falta na área, Edigar Junio cabeceou e Douglas fez linda defesa de mão trocada. Um minuto depois, após bate-rebate na área, Edigar ajeitou para Zé Rafael chutar fraco.
Aos 12, Thiago Martins saiu desde a defesa com a bola dominada, cruzou o gramado e deu linda assistência para Mendoza. O colombiano driblou o marcador e chutou de esquerda, mas Douglas foi arrojado e fez grande defesa. A resposta do Avaí veio com Marquinhos, que entrou na área livre e quando tentou driblar Jean, foi desarmado pelo goleiro tricolor.
De tanto insistir, o Bahia conseguiu a virada. Em jogada muito bem trabalhada pelo trio Mendoza, Allione e Edigar, o argentino deixou o camisa 11 na boa só para empurrar para o gol. Foi o 9º dele na Série A, o 12º no ano. Allione chegou a sua 6ª assistência no campeonato, a 11ª em 2017.
A partir daí, Carpegiani colocou Feijão e Matheus Sales em campo para segurar o placar e garantir o primeiro triunfo fora de casa sob o comando do treinador. (correio24horas)

Nenhum comentário:

Postar um comentário