Após quinta Bola de Ouro, Cristiano Ronaldo diz: "Sou o melhor da história"

Com cinco Bolas de Ouro em sua estante, Cristiano Ronaldo não hesita em dizer: é o melhor da história. Após a cerimônia que coroou a última temporada do português pelo Real Madrid, a revista “France Football”, responsável pela premiação, publicou a tradicional entrevista com o ganhador do troféu. O camisa 7 foi perguntado, com todas as letras: “você se considera o melhor jogador da história?”. Ele não se esquivou na resposta.
Sim! Eu sou o melhor jogador da história. Em tempos bons e ruins. Como Zidane nos disse no treino, é porque às vezes experimentamos momentos difíceis que os triunfos têm seu valor. A adversidade faz você trabalhar mais. É normal estar com raiva e frustração quando você não marca um gol. Se fosse o
contrário, isso significaria que você não se importava. Então, sim, se eu estou tendo um jogo ruim ou um treino de m..., fico com raiva de mim mesmo. Mas quando saio do centro de treinamento, ou do estádio, consigo retomar uma vida normal declarou o português.
Aos 32 anos, Cristiano Ronaldo conquistou sua quinta Bola de Ouro e empatou em conquistas com Lionel Messi. O português ficou com o prêmio nos anos de 2008, 2013, 2014, 2016 e 2017, e o argentino levou em 2009, 2010, 2011, 2012 e 2015.
A constante disputa com o camisa 10 do Barcelona não ficou fora da conversa com a “France Football”, e Ronaldo reconheceu: o domínio do argentino o
incomodava. Tanto que o deixava desconfortável nas cerimônias.
É uma história engraçada, não é? Ganhei uma Bola de Ouro antes do Messi. Então ele me passou ganhando quatro em seguida. Não escondo isso, estava triste e com raiva. Ia às cerimônias e nunca ganhava. Chegou um ponto que estava desmotivado. Eu não queria mais ir. Estar lá só para a foto não me interessava afirmou Ronaldo.
O português ressaltou sua rotina de superação nas últimas temporadas pelo Real Madrid. E ainda reforça que quer quebrar outro recorde este, mais improvável: o de ganhador da Bola de Ouro mais velho.
Pouco a pouco, graças ao apoio de meus familiares, disse a mim mesmo que tudo na vida tinha um começo e um fim. E que no futebol, o fim que conta, não o começo. Fui paciente. E ganhei outras Bolas de Ouro. Hoje é a quinta. Você vê, isso me torna ainda mais propenso a continuar lutando, sem pensar na idade. Qual é o jogador mais velho que ganhou a Bola de Ouro? Cannavaro? questiona Ronaldo ao jornalista.
Stanley Matthews (pelo Blackpool) tinha quase 42 anos quando ganhou em 1956 responde o jornalista.
42? Ele estava jogando sozinho ou o quê? Sério, hoje seria impossível. A longevidade não é mais a mesma. Quando vejo jovens de 20 ou 25 anos que estão sempre lesionadas, eu digo que estou feliz, aos 32, também fisicamente – diz Ronaldo.
Tradicional honraria do futebol mundial, a Bola de Ouro foi criada em 1956 com o objetivo de escolher o melhor jogador europeu do ano. A partir de 1995, atletas que nasceram em outros países passaram a concorrer.
Em 2010, um acordo entre "France Football" e Fifa unificou os dois principais prêmios do futebol, tornando a Bola de Ouro a referência para o melhor jogador do planeta. A parceria acabou em 2015 e os prêmios voltaram e ser oferecidos de forma separada. (globoesporte.com)

Nenhum comentário:

Postar um comentário