Nilo promete se desfiliar do PSL neste sábado; ato político de ingresso no PSB será em fevereiro

Presidente do PSL na Bahia, o deputado estadual Marcelo Nilo confirmou ao Metro1 que, a partir da entrada do deputado federal e presidenciável Jair Bolsonaro no partido, ele vai deixar a sigla “imediatamente”.
Próximo à senadora Lídice da Mata, o parlamentar revelou que a movimentação nacional antecipou os seus planos de ingressar no PSB.
“Tinha 99% de chance de sair agora é 100%. Com Bolsonaro não dá para ficar no partido. Agora está confirmado que vou para o PSB. Oficialmente, eu só posso sair em março, mas eu vou fazer um ato político em 19 de fevereiro para marcar minha entrada no partido. A partir de amanhã [sábado, 6], eu faço um ofício me desfiliando do PSL”, avisou Nilo.
Além dele, o líder da oposição na Câmara de Salvador, José Trindade, também avisou que deixará a legenda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário