Polícia desmonta base de observação usada por traficantes na Capital

Policiais civis da Coordenação de Operações Especiais (COE), com apoio de equipes da 3ª Delegacia Territorial (DT/Bonfim), desarticularam, no final da tarde de quinta-feira (12), uma base de observação utilizada por traficantes, no bairro do Uruguai. Na ação três criminosos foram presos em flagrante com drogas e simulacros.
O flagrante ocorreu durante a primeira Operação Conhecer, Operar e Aproximar (COA) de 2018. A ação é promovida pela COE desde o ano passado em localidades de Salvador e região metropolitana. Os delegados e investigadores se dividiram, no bairro, e na Travessa Barão localizaram uma casa de dois andares usada pelos traficantes para observar a movimentação na área e
vender drogas.
Na laje do observatório foram capturados Éric Santos de Oliveira, Misael Santos e Santos e Carlos Rodrigo Santos Cerqueira. Com o trio os policiais apreenderam 111 trouxas de maconha, 84 pinos de cocaína, cerca de meio quilo de crack, dois simulacros de pistola e balanças. Os criminosos e os materias terminaram apresentados, na 3ª DT/Bonfim.
"Esse foi a primeira Operação COA de 2018. Iniciamos no ano passado esse trabalho e, além dos flagrantes, mapeamos o bairro utilizando drones", destacou o coordenador da COE, delegado André Viana. Ele acrescentou a importante parceria com a 3ª DT/Bonfim, na formatação da investida. "Fomos certeiros por conta do conhecimento do terreno, repassado pelos colegas da unidade territorial", finalizou. (ssp.ba)

Nenhum comentário:

Postar um comentário