Prédio desaba após ser atingido por incêndio em São Paulo e deixa uma pessoa morta

Um prédio desabou após ser atingido por um incêndio de grandes proporções na madrugada desta terça-feira (1º), no Largo do Paissandu, no centro de São Paulo. De acordo com informações oficiais, uma pessoa morreu e pelo menos outras duas estão desaparecidas. Um edifício vizinho também pegou fogo nos três primeiros andares, mas as chamas já foram controladas, e o prédio não corre risco de vir abaixo. A Igreja Evangélica Luterana, que fica ao lado do prédio em chamas, também pegou fogo e parte da estrutura desabou. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o fogo no imóvel que entrou em colapso começou por volta de 1h30. Por volta das 2h50, ele desabou.
Os esforços para apagar alguns focos de incêndio na área continuam. De acordo com moradores do entorno, o fogo começou no segundo andar e se espalhou rapidamente. Foram enviados 160 agentes e 57 carros do Corpo de Bombeiros para a ocorrência, além de unidades da Polícia Militar, SAMU, CET e Defesa Civil. Conforme a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros, somente a perícia poderá confirmar as causas do incêndio. O prédio que desabou tinha mais de 20 andares e era uma instalação desativada da Polícia Federal, além de ter abrigado um escritório do INSS. A estrutura estava ocupada irregularmente e abrigava cerca de 50 famílias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário