Hoje tem Messi e Guerrero, e França e Dinamarca em busca de vaga

A 2ª rodada da Copa continua cheia de expectativa e pressão. Dinamarca e Austrália abrem o 8º dia da competição. Depois, Peru entra em campo com a esperança de que Guerrero jogue desde o início contra a França. À tarde, Messi terá a tarefa de tentar levar a Argentina à primeira vitória no Mundial, em confronto com a Croácia. Além da Copa, também é notícia: Brasil teve 17,4 mil mortes violentas entre janeiro e abril, o STF pode autorizar sátiras de candidatos nas eleições e a lei que vai permitir que mulheres aprendam a pilotar moto na Arábia Saudita.

Copa do Mundo: 8º dia

9h: Dinamarca x Austrália
A Dinamarca entra em campo querendo resolver a vida e se classificar para as oitavas de final. Após a vitória de 1 a 0 sobre o Peru, a seleção escandinava
entra em campo depois de um puxão de orelha do técnico Age Hareide, que cobra performance da equipe. Já a Austrália tenta sobreviver depois de perder para a França na estreia.

12h: França x Peru
A expectativa é que a equipe peruana tenha Paolo Guerrero desde o início da partida. Na derrota para a Dinamarca na estreia, o atacante entrou só no 2º tempo e mostrou que tem tudo para ser titular. A França entra em campo sabendo que a última vez que foi derrotada por um país da América do Sul em Copas foi há 40 anos. Mas a fraca performance na estreia colocou pressão sobre os astros da equipe - Pogba, Mbappé e Griezmann - e o técnico Didier Deschamps.

15h: Argentina x Croácia
A Argentina enfrentará a Croácia pressionada e modificada. Depois da atuação ruim e completamente dependente de Lionel Messi diante da Islândia, Jorge Sampaoli mudou peças e o esquema. Rojo, Biglia e Di Maria deram lugar a Mercado, Acuña e Pavón. A dúvida está no meio: Meza permanece ou dá lugar a Enzo Pérez? O clima na Croácia é bem diferente. A seleção vem de sua melhor estreia em Copas nos últimos 20 anos e pode até encaminhar o primeiro lugar do grupo em caso de vitória. (g1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário