Mulher é condenada a 13 anos de prisão por matar suposta amante do marido em Feira de Santana

Justiça condenou Girlande Venancia Leite, 40 aos, a 13 anos e seis meses de prisão por ter matado a facadas a amante do marido na cidade de Feira de Santana, a 100 km de Salvador. O julgamento ocorreu no Fórum Filinto Bastos, nesta quinta-feira (7). A mulher estava presa desde junho de 2016, quando ocorreu o crime, e terá que cumprir a pena em regime fechado.
De acordo com a polícia, Girlande descobriu que seu companheiro estaria tendo um relacionamento com a vítima, Gleith de Almeida Gaudêncio Silva Araújo. Dois dias antes do crime, ela teria flagrado os dois juntos em um bar, se beijando. Depois, seguiu os dois até o endereço onde ficava a residência da vítima, localizada no bairro Feira IX.
Ainda segundo a polícia, no dia 25 de junho de 2016, retornou ao local com três
facas dentro de uma bolsa e usou uma delas para matar a mulher. Para entrar na casa da vítima, Girlande se passou por irmã do companheiro e disse que estaria no local, a pedido dele, para entregar algumas roupas.
A polícia relata também que, Gleith estava em casa com uma filha, e Girlande pediu que a menina fosse até uma padaria comprar pão para elas. Quando a criança deixou o local, Girlande aproveitou que Gleith estava de costas, fazendo um café, e esfaqueou a mulher no pescoço.
A vítima chegou a pedir socorro aos vizinhos, que conseguiram imobilizar Girlande até a chegada da polícia. A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local. (bocaonews)

Nenhum comentário:

Postar um comentário