Fiuk é processado por garçom após falsa acusação de roubo

Um garçom do hotel Sheraton do Leblon, na Zona Sul do Rio, entrou na Justiça contra Fiuk, após ter sido acusado pelo furto do celular do artista. O funcionário pede R$ 30 mil de indenização pela ofensa. De acordo com o Famosidades, o processo está na Justiça desde novembro de 2014. No episódio, Fiuk teria denunciado o garçom na recepção do hotel, alegando que ele teria furtado o celular dele ao realizar o serviço de quarto para retirar a louça suja.

A polícia chegou ao local, mas não encontrou o aparelho com o funcionário do hotel. Mesmo assim, Fiuk teria continuado a ofender o garçom.
Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário