Temer afirma que fechar fronteira com a Venezuela é 'incogitável'

Foto: Marcos Corrêa / PR
O presidente Michel Temer declarou nesta quinta-feira (30) que considera "incogitável" a possibilidade de fechar a fronteira entre Roraima e Venezuela. De acordo com o jornal O Globo, ele declarou que a ideia de distribuir senhas foi apenas para organizar a entrada de venezuelanos no país e demonstrou descontentamento ao ser questionado sobre o assunto.
"Ou as pessoas não sabem ler ou não querem ler. Bastava pegar minhas declarações nos dias anteriores. Fechar a fronteira é incogitável", disse Temer durante evento realizado no Rio de Janeiro. Roraima passa por uma crise humanitária diante da migração de venezuelanos que tentam fugir da crise econômica e política em seu país.
Segundo Temer, o controle no acesso de venezuelanos busca, por exemplo, cumprir parâmetros sanitários. Ele afirmou ainda que nem todas as pessoas que chegam a Roraima desejam permanecer no Brasil. "Há venezuelanos que vem ao Brasil comprar remédio e comida e voltam para seu país", comentou.
BN

Nenhum comentário:

Postar um comentário