“A confiança voltou”, diz Ramon sobre momento do Vitória

(Foto: Maurícia da Mata / Divulgação / EC Vitória)
O ambiente no Vitória mudou. Muito graças à saída do time do Z-4 do Campeonato Brasileiro e já a duas partidas sem sofrer gols. O que é importante para o time que tem a pior defesa do Brasileirão (40 gols em 22 jogos). Escolhido para a entrevista coletiva desta quarta-feira (5), o zagueiro Ramon destacou a volta da confiança dos jogadores. “A confiança voltou. Quando a gente ia jogar contra qualquer outro dia e tomava o gol, olhava para o lado e todo mundo cabisbaixo, um tentando animar o outro. E agora, não. A confiança voltou, todo mundo confiante, sabe o que tem que fazer dentro de campo. Pode ter certeza que a conversa dentro de campo mudou também, todo mundo se comunicando. Isso ajuda muito, comunicação dentro de campo. Até mesmo quando um jogador nosso estava com a bola, a gente falava que estava marcado, e esse jogador rapidamente procurava avaliar oportunidades para não perder a bola”, disse.

Ramon acredita que a chegada de Carpegiani foi importante para essa mudança de ambiente do Vitória. Nas quatro jogos no comando do Leão, o treinador tem dois triunfos e duas derrotas.
“O professor Paulo, por ser gaúcho, trouxe trabalho muito competitivo para o Vitória. Nos treinamentos, no próprio aquecimento, como ele fala. É uma forma competitiva. Isso a gente acaba levando para dentro de campo. A gente briga por cada bola. Isso vem mostrando nos últimos jogos. Três jogos e a gente só tomou um gol. E daqui para frente por ter certeza que vai ser nessa pegada”, afirmou.
Ramon retorna aos gramados nesta quinta-feira (6), contra o Fluminense, no Maracanã. Nesta partida, o Vitória quer vencer a primeira como visitante com Carpegiani e se distanciar ainda mais da zona de rebaixamento do Brasileiro. O Vitória é o 13º colocado, com 25 pontos, dois a mais que o Sport, primeiro clube no Z-4.
VN

Nenhum comentário:

Postar um comentário