Eleições 2018: TSE divulga novos boletins de ocorrência

Segundo as últimas informações, 1.285 urnas eletrônicas foram substituídas. Em apenas uma seção eleitoral, houve necessidade de votação manual
Compartilhar página via emailCompartilhar página via facebookCompartilhar página via twitterCompartilhar página via google plus
TRE-TO Logo Eleições 2018
Acaba de ser publicada a terceira série de boletins de ocorrências deste primeiro turno das Eleições Gerais de 2018, dia 7 de outubro. Segundo as informações mais recentes divulgadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) às 16h, foram substituídas 1.285 urnas eletrônicas (0,25% do total). Em uma seção eleitoral do Estado do Rio Grande do Sul, na cidade de Três Coroas, houve a necessidade de votação manual.
Os boletins de ocorrência também trazem informações sobre prisões de candidatos e não candidatos conforme as infrações eleitorais cometidas. Até o momento, as ocorrências envolvendo candidatos totalizam 5 casos: 2 em Minas Gerais e 1 em Mato Grosso, sem prisões; e 1 no Rio Grande do Sul e 1 em São Paulo, ambos resultando em prisões.

Quanto às ocorrências envolvendo não candidatos, foram contabilizadas 144, sendo 109 sem prisão e 35 com prisão. O motivo mais recorrente foi a divulgação de propaganda eleitoral, com 48 ocorrências. Minas Gerais é o estado com o maior número de ocorrências de não candidatos (33) até o momento, seguido de Mato Grosso do Sul (17) e de Alagoas (15). No Espírito Santo, foi registrada apenas uma ocorrência até o momento.
Mais de 147 milhões de eleitores participam deste primeiro turno das Eleições 2018. Ao todo, foram preparadas 454.493 urnas para votação, 4.077 urnas para recepção de justificativa e 67.353 urnas de contingência.
Fonte: tse.jus.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário