Bahia - Prefeitura de Correntina, decreta situação de emergência após estragos causados por chuva

A Prefeitura de Correntina, no oeste da Bahia, decretou na segunda-feira (5) situação de emergência, por conta dos estragos causados pela chuva que atingiu o município na sexta-feira (2).
De acordo com a prefeitura, foram registrados 80mm de chuva em três horas. Com isso, o rio de Correntina transbordou e o asfalto de uma rodovia cedeu. Na ocasião, uma idosa que passava pelo local caiu. Muitas ruas da cidade ficaram completamente alagadas, entretanto não houve registro de desabrigados, nem de desalojados.
Ainda segundo a prefeitura, a chuva causou destruição de estradas, pontes e bueiros, provocando alagamentos. No decreto, o município afirma não ter recursos suficientes para os reparos imediatos.
Correntina também registrou prejuízo na produção de hortaliças, deixando agricultores em situação de alerta e endividamento no comércio fornecedor de
insumos. Houve também, falta de fornecimento de água potável em residências, estabelecimentos comerciais e em repartições públicas.
Ainda segundo a prefeitura, a população também sofreu com a falta de rede telefônica.
Com lama espalhadas em muitas casas, os agentes da prefeitura e moradores realizaram a limpeza na cidade, no sábado (3).

Asfalto cede
Idosa cai em buraco durante tempestade em Correntina, na região oeste
Um vídeo gravado por moradores mostra a idosa, segurando um guarda-chuva, e passando bem perto de uma cratera aberta pelo asfalto que tinha cedido. A parte onde ela pisou também cedeu e a idosa despencou no buraco.
A moradora foi socorrida por moradores e levada para um hospital. Segundo informações da prefeitura da cidade, ela não sofreu ferimentos graves. A administração municipal disse, ainda, que o acidente aconteceu por volta das 16h de sexta-feira.
Depois disso, o asfalto no mesmo local cedeu mais ainda, e o trecho da BR-349 foi interditado. A situação impediu completamente a passagem de veículos e pedestres.


*G1/Bahia

Nenhum comentário:

Postar um comentário