Japão executa dois condenados à pena de morte

Duas pessoas que tinham sido condenadas à pena de morte foram executadas nesta quinta-feira (27) no Japão, segundo informou a imprensa local. De acordo com a emissora pública "NHK" que cita fontes oficiais, as execuções aconteceram nesta manhã, mas não foram informadas as identidades dos réus nem os motivos pelos quais estavam presos.
As execuções foram ordenadas pelo ministro da Justiça, Takashi Yamashita, que assumiu o cargo em outubro passado, e para informar mais detalhes sobre o assunto foi convocada nas próximas horas uma entrevista coletiva.
As últimas execuções no Japão aconteceram em julho passado. No dia 6 foram executados sete integrantes da seita que atacou com gás sarin o metrô de
Tóquio em 1995, entre eles o líder do grupo, Shoko Asahara, e no dia 26 do mesmo mês foram executados seis membros dessa mesma seita devido ao mesmo fato.
Quando assumiu o cargo, Yamashita declarou que "a maioria do povo japonês considera que é inevitável a pena de morte para os casos extremamente cruéis".


*G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário