Democracia e liberdade só existem quando as Forças Armadas querem, diz Bolsonaro

Em evento no Rio de Janeiro nesta quinta-feira (7), o presidente Jair Bolsonaro (PSL) falou sobre a missão de governar o Brasil. Ele disse que uma das tarefas é estar "ao lado das pessoas de bem" do país que amam a pátria, respeitam a família e querem a democracia e a liberdade.
"E isso, democracia e liberdade, só existe quando a sua respectiva Forças Armadas assim o quer" (sic), declarou o presidente.
Segundo informações do G1, na ocasião, ele prometeu que vai debater uma nova "retaguarda jurídica" para que os militares "possam exercer seus trabalhos, em especial nas missões extraordinárias da tropa". Além disso, o capitão frisou que a categoria vai precisar dar sua contribuição para a reforma da Previdência.

"O que eu quero dos senhores é sacrifício também. Entraremos sim, numa nova Previdência que atingirá os militares, mas não deixaremos de lado, não esqueceremos, as especificidades de cada força", ponderou Bolsonaro.
A proposta do governo foi entregue ao Congresso no último dia 20 de fevereiro, mas deve começar a tramitar apenas agora com o fim do Carnaval.


*Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário