Psiquiatra escolhido por Bolsonaro vai avaliar autor da facada

Um médico psiquiatra indicado pelo presidente Jair Bolsonaro foi autorizado pela Justiça a entrevistar e avaliar Adélio Bispo de Oliveira, que confessou a facada contra o presidente, então candidato, em setembro do ano passado, na cidade mineira de Juiz de Fora. A decisão é do juiz da 3ª Vara Federal de Juiz de Fora (MG), Bruno Souza Savino. As informações são da TV Globo.
O juiz também determinou que peritos responsáveis pelos três laudos psiquiátricos e psicológicos de Adélio Bispo esclareçam as divergências apontadas pelo Ministério Público Federal (MPF). Nem as divergências nos laudos, nem o teor dos documentos foram informados.
O processo corre em segredo de Justiça. Um médico psiquiatra indicado pelo presidente Jair Bolsonaro foi autorizado pela Justiça a entrevistar e avaliar Adélio Bispo de Oliveira, que confessou a facada contra o presidente, então candidato, em setembro do ano passado, na cidade mineira de Juiz de Fora. A decisão é do juiz da 3ª Vara Federal de Juiz de Fora (MG), Bruno Souza Savino. As informações são da TV Globo.
O juiz também determinou que peritos responsáveis pelos três laudos psiquiátricos e psicológicos de Adélio Bispo esclareçam as divergências apontadas pelo Ministério Público Federal (MPF). Nem as divergências nos laudos, nem o teor dos documentos foram informados. O processo corre em segredo de Justiça.


*Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário