PF prende ex-superintendente do Ibama em operação contra exploração da Amazônia

A Polícia Federal, na manhã desta quinta-feira (25), uma operação para desarticular um esquema de corrupção que deu aval à extração ilegal de madeira na floresta Amazônica.
Os policiais federais buscam cumprir 23 mandados de prisão preventiva, seis de prisão temporária e mais 109 de busca e apreensão nos estados de Amazonas, Acre, Paraná, Mato Grosso, Minas Gerais, Rondônia, Roraima, São Paulo, além do Distrito Federal.
Segundo a PF, entre os presos está um ex-superintendente do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, a suspeita é de que eles teriam feito vistas grossas na concessão de autorizações para os desmates. Em dezembro de 2017, foram apreendidos pela mesma operação cerca de 400 contêineres no porto em Manaus com 8.000 m³ de madeira em tora com documentação irregular.

*Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário