Alunos da Ufba estranham presença de militares do Exército; DCE cobra resposta

Foto : Reprodução / Twitter
Alunos da Universidade Federal da Bahia (Ufba) denunciaram, através das redes sociais, a entrada de militares do Exército Brasileiro em diversos pavilhões de aula em Salvador. De acordo com os relatos, os agentes fotografaram diversos cartazes e pichações. 
Em outro relato virtual, é possível ver uma foto que mostra dois militares no Pavilhão de Aulas da Federação 3. Eles aparecem com uma planilha.
"Pessoal, militares dentro da federal da Bahia tirando foto de anotações nos quadros, aquela parada de não soltar a mão de ninguém é real, cada vez mais real", relatou uma aluna.  "Eu também vi e fiquei morrendo de medo", disse outra. 
Procurado pelo Metro1, o presidente do Diretório Central dos Estudantes (DCE), José Neto, afirmou que o grupo está em diálogo com a reitoria para saber o motivo da “visita”. “Estamos construindo esse diálogo com a reitoria. Ela ainda não nos respondeu, pois muita coisa aconteceu nesses dias, mas vamos aguardar”, afirmou. 

Segundo Neto, há um clima de incerteza dentro da universidade. “Durante a campanha, tivemos alguns episódios com militares e isso nos dá receio e medo, pois sabemos o posicionamento dessas instituições. Isso nos põe a pensar sobre qual modelo de segurança queremos num espaço de produção de pesquisa”, disse.
O Metro1 procurou a comunicação do Comando da 6ª Região Militar, responsável pelo Exército na Bahia, mas não obteve êxito no contato.
Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário