Dia das Mães: Comércio espera crescimento de 5% para o período

A CDL , Câmara de Dirigentes Logistas, estima um crescimento de 5% no volume de vendas para o Dia das Mães comparado ao mesmo período do ano passado. Segundo informações divulgadas nesta segunda-feira (6), o tíquete médio deve ficar em torno de 120 reais. A instituição se baseia em pesquisa de mercado. “Esses primeiros meses do ano tem sido de expectativa em relação às decisões do governo e ao andamento de reformas importantes como a Reforma da Previdência. O quadro nacional tem impacto na economia das cidades. Apesar do otimismo do setor, há índices que preocupam”, avalia o presidente da CDL Salvador, Alberto Nunes.
Para o presidente, entretanto, os lojistas podem e devem se apropriar da força e tradição da data para movimentar as vendas e atrair o consumidor. Nunes aconselha o lojista a usar criatividade para desenvolver estratégias, preparar a loja, focar no atendimento ao cliente, criar e dar opções de pagamento.
Terceira data sazonal mais importante para o varejo, o Dia das Mães movimenta não só o comércio físico como também o virtual, o e-commerce. Os segmentos que registram maior movimento no período são os de vestuário, calçados, acessórios, perfumaria, cosméticos, eletroeletrônicos, celular, móveis, eletrodomésticos.

*Varela Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário