Menina de 6 anos faz cirurgia para reconstruir braço após ser atacada por um pit bull na Bahia

Uma menina de 6 anos foi atacada por um cachorro da raça pit bull, quando voltava da escola, na frente da casa onde mora, na cidade de Ipiaú, no sul da Bahia, na última terça-feira (29).
O caso aconteceu quando a vizinha da vítima Emelly Vitória abriu o portão da casa e o cachorro fugiu, indo para cima da criança. O pai de Emelly, Nelson Lopes, disse que a garota foi mordida no pescoço e depois no braço direito. Ainda segundo Nelson, o irmão da vítima, de 10 anos, presenciou o ataque e gritou por socorro.
Um homem que passava no local tentou ajudar a criança. Mas o cachorro só soltou a menina, quando o pai da vítima apertou o pescoço do animal, fazendo ele parar o ataque. Nelson é socorrista do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e prestou os primeiros socorros à filha.
A menina foi encaminhada para o Hospital Manoel Novaes, em Itabuna, onde segue internada. De acordo com familiares, a garota precisou passar por três cirurgias, entre elas, uma para reconstruir as fibras do braço.
O proprietário do pit bull pode ser indiciado por lesão corporal culposa, que é decorrente de imprudência ou negligência.


*Varela Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário