Adolescente morre por bala perdida durante assalto que terminou com motorista de app morto

Um adolescente de 17 anos morreu após ser vítima de bala perdida durante um assalto que terminou com a morte de um motorista de aplicativo, na manhã da última quinta-feira (14), no bairro da Mata Escura, em Salvador.
Conforme a Polícia Civil, o adolescente foi levado para o Hospital Roberto Santos, mas não resistiu aos ferimentos. O suspeito de atirar nas vítimas também morreu, horas após o crime.
O motorista Neidson da Silva, de 41 anos, fazia uma corrida para uma passageira, que tem 29 anos, por volta das 7h15. As vítimas foram abordadas por um homem armado quando passavam pela Avenida Cardeal Brandão Vilela.
Segundo informações da polícia, a mulher disse em depoimento que o suspeito também tentou atirar na direção dela, mas a arma falhou. A vítima também contou que conseguiu se jogar do carro em movimento e por isso ficou ferida.

O suspeito de cometer o crime acabou baleado pelos agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), quando tentava fugir com o carro do pai do adolescente.
Segundo informações do pai da vítima, que também estava no carro com o adolescente, ele pediu para que não o suspeito não matasse os dois. O adolescente foi atingido após o homem entrar em confronto com os agentes.
De acordo com a Polícia Civil, o motorista, o adolescente e o suspeito foram levados para o Hospital Geral Roberto Santos (HGRS), mas não resistiram aos ferimentos.
O motorista de aplicativo, Neidson da Silva, deixou dois filhos. O enterro dele vai acontecer nessa sexta-feira (15). Não há detalhes do local e horário do sepultamento.
Também não há detalhes sobre o velório e sepultamento do adolescente. O caso é investigado pela 11° Delegacia de Policia (DT) em Arenoso.


*G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário