Em discurso de Natal, Bolsonaro diz que ano termina 'sem denúncias de corrupção'

Em pronunciamento de Natal em cadeia nacional de rádio e televisão, realizado ontem (24), o presidente Jair Bolsonaro elencou medidas tomadas pela atual gestão, elogiou seus 22 ministros e disse que o ano termina sem “qualquer denúncia de corrupção”. O pronunciamento do presidente, que estava ao lado de sua esposa, Michelle Bolsonaor, durou em torno de dois minutos e meio.
"Tenho que agradecer a Deus que me deu uma segunda vida e tive a possibilidade ímpar de escolher 22 ministros pelo critério técnico e compromissados pelo futuro do Brasil. Sabia que não seria fácil. Assumi o Brasil com uma profunda crise ética, moral e econômica. Agradeço aos ministros, servidores e empresários pela confiança no crescimento do país. E ao povo brasileiro pela compreensão e orações que nos levaram a várias realizações. O governo mudou" disse.

Bolsonaro ignorou os escândalos envolvendo o seu filho, o senador Flávio Bolsonaro e o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio e disse que o ano de 2019 terminava sem nenhuma denúncia de corrupção: "estamos terminando 2019 sem qualquer denúncia de corrupção. O mundo voltou a confiar no Brasil".


*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário