Cerca de 900 eleitores baianos que não fizeram biometria podem ter títulos cancelados; veja como regularizar situação

Cerca de 900 eleitores que não fizeram o cadastro biométrico podem perder o título de eleitor, segundo dados do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA). Quem não fez o procedimento no estado tem até o dia 18 de fevereiro para regularizar a situação com a Justiça Eleitoral, no terceiro e último ciclo de biometria na Bahia.
Conforme o TRE, em Salvador, quase 220 mil eleitores não fizeram o procedimento. Para participar e votar nas Eleições 2020, todos os eleitores baianos devem estar identificados por biometria.

Além de não poder votar, o cidadão que perder o documento eleitoral fica impossibilitado de obter empréstimos em instituições públicas, dificuldade para tirar ou renovar passaporte, não tomar posse em concurso público ou ser impedido de renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo.
O eleitor pode agendar o serviço pelo site ou telefone e escolher a hora e local para ser atendido. O agendamento é feito no site do TRE ou pelos números 0800 071 6505 ou (71) 3373-7223.


*G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário