Cinco superalimentos que reduzem os níveis de colesterol alto

O colesterol é uma substância presente no corpo humano que é essencial para o seu bom funcionamento. Contudo, quando existe colesterol em excesso no organismo e na corrente sanguínea tal pode representar riscos sérios para a saúde, sobretudo no que se refere ao aparecimento de doenças cardíacas.
Tal ocorre porque quando o colesterol se acumula nas artérias entope-as e impede que o sangue flua como deve até ao coração, cérebro e outros órgãos.
São vários os fatores de risco que contribuem para o aumento de gordura no sangue, desde o tabagismo ao consumo de uma dieta pouco saudável. Como tal o Sistema Nacional de Saúde Britânico (NHS) recomenda a ingestão regular de determinados alimentos.

Veja os cinco superalimentos, segundo a NHS, que reduzem ativamente o colesterol:

1. Alimentos à base de soja
Alimentos à base de soja reduzem naturalmente o colesterol por que são pobres em gorduras saturadas.
De acordo com vários estudos as proteínas presentes na soja também diminuem o colesterol, sendo que é possível reduzir os níveis em cerca de 6% ingerindo apenas 15 gramas de proteína de soja por dia.

2. Frutos secos
Além de serem uma ótima fonte de proteína vegan, os frutos secos também previnem o aumento do colesterol.
Pode reduzir os níveis em 5% ao consumir diariamente uma mão cheia destes alimentos.

3. Aveia
Este cereal é imensamente rico em fibra, constituindo assim uma ótima opção para quem pretende ingerir uma dieta equilibrada. O popular alimento também impede a absorção do colesterol.

4. Fruta
A fruta apresenta níveis baixos de gordura saturada e um elevado teor de vitaminas e minerais. Sendo igualmente uma fonte valiosa de fibras solúveis que combatem o colesterol.

5. Vegetais e leguminosas
Todos os vegetais fazem bem à saúde, mas as ervilhas, batata doce, beringela, quiabo e brócolis são especialmente benéficos na diminuição do colesterol alto.
Adicionalmente, os brócolis em particular também ajudam a reduzir os níveis de açúcar no sangue, combatendo a diabetes tipo 2.


*Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário