Suspeito com 27 mandados de prisão em aberto é preso por roubos a motoristas de aplicativo

Policiais civis do Rio de Janeiro prenderam nesta quinta-feira (9) um homem com 27 mandados de prisão preventiva por tempo indeterminado em aberto. Douglas Santos Muniz, de 32 anos, é apontado como assaltante em investigações da 40ª DP (Honório Gurgel).
O inquérito da distrital indica que o suspeito e um comparsa esquematizavam assaltos a motoristas de aplicativo que rodam na Zona Norte da cidade. Segundo a polícia, o golpe funcionava da seguinte forma:

Douglas solicitava corridas em um aplicativo de transporte
Em seguida, pedia que o motorista buscasse o "primo", Rafael Vieira dos Santos, de 27 anos, próximo ao Morro Jorge Turco, em Coelho Neto
Rafael abordava os motoristas, roubava o carro e outros bens
As investigações também indicam que o veículo roubado era vendido para "desmanches" no Complexo de favelas da Pedreira, também na Zona Norte.
De acordo com a polícia, a dupla recebia aproximadamente R$ 1
mil por veículo.

Soltos após flagrante
A polícia também informou que Douglas e Rafael chegaram a ser presos em flagrante por porte ilegal de arma em junho de 2018, mas depois foram soltos.
Douglas foi localizado e preso nesta quinta em Mangaratiba, na Costa Verde, e Rafael continua foragido.


*G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário