Governo Bolsonaro ‘tranca’ Bolsa Família em cidades pobres; fila chega a 1 milhão

O governo do presidente Jair Bolsonaro congelou o programa Bolsa Família mesmo nas regiões mais carentes do Brasil. De acordo com reportagem da Folha, publicada hoje (10), uma a cada três cidades mais pobres do país não teve novos auxílios liberados de junho a outubro de 2019, últimos meses com dados oficiais divulgados.
O levantamento feito pelo jornal leva em conta as 200 cidades com menor renda per capita do Brasil, conforme dados de 2017, do IBGE. Em todos os municípios, foi registrado recuo na cobertura e queda no ritmo de atendimento a novas famílias.
Desde o ano passado, o governo começou a controlar a entrada de beneficiários no programa. Com isso, a fila de espera para ingresso no Bolsa Família, que havia sido extinta em julho de 2017, voltou à tona e chegou a 1 milhão em janeiro.
Procurado, o Ministério da Cidadania não quis comentar a reportagem.


*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário