CBMBA alerta sobre uso do álcool gel

Isolamento social, lavar as mãos corretamente com água corrente e sabão, além do uso do álcool gel, são algumas das principais medidas para evitar a propagação do Covid 19. Porém, o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) alerta sobre alguns cuidados com o uso do álcool gel, que não deve ser próximo ao fogo, além do armazenamento do material, que deve ser em local arejado.
"Ao manusear, é importante aguardar alguns minutos antes de entrar em contato com ponto de calor, para dar tempo de evaporar. O armazenamento deve ser em local fresco e ventilado, longe de chamas ou outros pontos de calor como forno ou churrasqueira", explica o capitão BM Leandro Vialto.

O capitão alerta ainda para cuidados redobrados com o uso do álcool líquido. "Os dois devem ser a 70%, mas o líquido é bem mais fácil de inflamar e propagar um incêndio, por isso precisa de muito mais atenção no manuseio", alerta ele. De acordo com  o capitão, essas medidas são essenciais não apenas para a prevenção do Coronavírus, mas para evitar acidentes como as queimaduras. 

*Queimaduras -* Caso ocorra a queimadura, a pessoa deve apagar as chamas usando água corrente ou, se não tiver acesso rápido à água, deve cobrir completamente o local com um tecido (uma camisa, por exemplo) para abafar o fogo. Em seguida, lavar o local com água fria e corrente e procurar uma unidade de saúde. "Colocar manteiga, pó de café ou pasta de dente por exemplo podem aliviar o ardor momentâneo, mas vão infeccionar a queimadura e a limpeza desses produtos é extremamente dolorida. Gelo também não deve ser usado pois o frio em excesso também causa ferimento na pele. A água deve estar fria e corrente", conclui o capitão Leandro. 
O CBMBA alerta para que os cidadãos sigam as orientações com o uso do álcool. Lavar as mãos com água e sabão também é uma medida eficaz, principalmente para quem está cozinhando ou dentro de casa. O órgão pede ainda que as pessoas evitem sair das residências. Neste momento, o isolamento social é fundamental para a não propagação do vírus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário