Polícia encontra fábrica clandestina de álcool em gel em Cruz das Almas

Após receberem denúncias anônimas, policiais militares e civis localizaram um galpão de uma fábrica que produzia álcool em gel de forma clandestina na cidade de Cruz das Almas.
Todo o material que estava embalado e pronto para ser vendido foi apreendido. O dono do estabelecimento é procurado pela polícia.
"Quando chegamos no local informado pela denúncia constatamos a veracidade do fato. O criminoso é dono de uma distribuidora de cosméticos e estava produzindo o álcool com perfumes e gel de cabelo. No momento do flagrante, 16 pessoas estavam produzindo os itens de maneira precária e sem nenhuma autorização dos órgãos competentes", disse, em nota o comandante da 27ª CIPM, major Marcos David.

Segundo o delegado titular de Cruz das Almas, Cristóvão Eder Maia de Oliveira, o Departamento de Polícia Técnica (DPT) foi chamado para fazer perícia no local. "Não tinha nenhum equipamento para determinar o percentual de álcool no produto. Ele misturava com gel de cabelo, embalava e distribuía para os comerciantes da região", declarou Oliveira.
Quem adquiriu o produto deve procurar a delegacia para prestar queixa. O dono da fábrica clandestina vai responder por crimes contra a saúde pública e contra o consumidor.

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário