Salvador ganha primeira unidade municipal exclusiva para pacientes com coronavírus

O prefeito ACM Neto apresentou, neste sábado (28), o Itaigara Memorial, localizado no Caminho das Árvores, como a primeira unidade de saúde municipal destinada exclusivamente ao tratamento de pacientes com o novo coronavírus, o Covid-19. Segundo o prefeito, a unidade, que terá 47 leitos de UTI e 198 profissionais, está prevista para entrar em funcionamento no dia 6 de abril.
"Eu espero que ela não precise ser utilizada, que ela fique toda pronta e preparada, e que a gente não precise fazer a internação de pacientes", disse ACM Neto.
O prefeito destacou outras iniciativas municipais para conter os avanços do Covid-19 e contribuir com o tratamento do vírus, sendo uma delas a requisição administrativa do Wet'n Wild, onde devem ser instalados inicialmente 50 leitos.

Além disso, os pacientes com o Covid-19, podem ter atendimentos nos hospitais que têm contrato com a prefeitura, como o Santa Izabel e o Português. Essas unidades foram ampliadas com 14 e 6 novos leitos, respectivamente.
As Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da prefeitura criaram 35 novos leitos, com os ajustes feitos pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS). E o Hospital Municipal terá 20 novos leitos.
Ainda conforme o prefeito ACM Neto, todas as unidades continuam atendendo pacientes em geral, ao contrário do Itaigara Memorial.
"Para custear essa ampliação do sistema de saúde, já determinamos o contingenciamento de R$230 milhões do orçamento municipal. E estamos buscando outras receitas, inclusive junto à iniciativa privada", pontuou.
Ainda aguardando a liberação de verbas do governo federal, o gestor da capital baiana destacou que esses recursos não devem cobrir nem 30% das despesas necessárias.
Na coletiva de imprensa deste sábado também estavam presentes o vice-prefeito Bruno Reis (DEM), o secretário municipal de Saúde Léo Prates, e o presidente da Câmara de Vereadores Geraldo Júnior.

*BocãoNews

Nenhum comentário:

Postar um comentário