Caixa paga nesta quarta-feira 1ª parcela do auxílio para 5,2 milhões

Antes de começar a fazer o pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial - com calendário adiantado para início nesta quinta-feira (23), a Caixa Econômica Federal inicia o pagamento de um novo lote de cadastros que sequer ainda receberam a primeira parcela da renda básica emergencial. Segundo o banco, nesta quarta-feira (22), 5.290.216 milhões de pessoas (inscritos no aplicativo ou site e Cadastro Único) receberão o pagamento, podendo assim já na quinta-feira receber a segunda parcela.

Muita gente está confusa e não entende o porquê de tanta demora para garantia da aprovação ou não do pagamento do auxílio emergencial através dos canais digitais da Caixa. A explicação da Dataprev é que a análise dos dados estão sendo feitas em lotes. Funciona assim: A Caixa recebe os cadastros; os repassa em remessa para a Dataprev, que por sua vez divide em lotes as análises e as encaminha para o ministério da Cidadania e, em seguida, de volta para pagamento na Caixa.
Até essa última terça-feira (21), a Dataprev estava finalizando o envio dos cadastros feitos entre os dias 7 e 10 de abril. Foram repassados à Caixa as análises de 9,9 milhões de brasileiros (terceiro lote), que se somam a outros 9,1 milhões de CPFs homologados no último dia 15 (primeiro lote) e 4,1 milhões de CPFs homologados no domingo (19) (segundo lote). Ao todo, a Dataprev finalizou ontem totalizando 23,1 milhões de CPFs analisados em três lotes referentes às inscrições no período de 7 a 10 de abril do público informal, microempreendedores e contribuintes individuais.

Quem começa a receber nesta quarta-feira (22):
Como dito, a Caixa começa a fazer o pagamento da primeira parcela nesta quarta-feira (22) para 5.290.216 milhões de pessoas. Esses beneficiários fizeram inscrição entre os dias 7 e 10 de abril e pertencem ao segundo lote, que fora enviado à Caixa no último domingo (19). Destrinchando os números, são 4,1 milhões de CPFs do público informal, microempreendedores e contribuintes individuais somados a cerca de 1,2 milhão de inscritos no Cadastro Único, totalizando os 5,2 milhões de pagamentos. Algo em torno dos R$ 4,2 bilhões - finalizando a primeira remessa dessa categoria de beneficiários.

Nova remessa
Finalizado o envio dessa primeira remessa dos informais, microempreendedores e contribuintes individuais, a Dataprev agora faz a análise dos CPFs dos inscritos entre os dias 11 e 17 de abril.

*Correio 

Nenhum comentário:

Postar um comentário