Cerca de 600 respiradores chegarão no dia 15, diz secretário de Saúde

O secretário de Saúde, Fábio Vilas-Boas, revelou que tem a expectativa de aumentar a quantidade de testes de coronavírus na Bahia. Questionado se o plano iria entrar em ação, Vilas-Boas, em entrevista à Record TV Itapoan, afirmou que um desbloqueio remoto será feito nas máquinas que realizam os testes no Lacen de Salvador e Vitória da Conquista.
A pretensão é de que o desbloqueio seja feito com a máquina do Hospital das Clínicas, mas isso só ocorrerá caso a ação se concretize no Lacen de Salvador. O Lacen atualmente tem uma capacidade para cerca de 300 testes, a expectativa é aumentar para 500. Fábio Vilas-Boas também revelou que 600 respiradores chegarão no dia 15 de abril.
Sobre os testes realizados nos pacientes, o secretário informou que os exames não são feitos apenas em pessoas que apresentam quadro grave, mas também àqueles que possuem suspeita da Covid-19.

“Se a pessoa foi atendida em uma UPA, uma unidade básica, um hospital privado de Salvador, a amostra é enviada e nós fazemos o teste. Nós não estamos limitando apenas aos casos de pacientes graves internados”, afirmou.
Além disso, os pacientes atendidos com suspeita de estar infectado serão encaminhados para um hospital, onde farão um teste RT-PCR. Caso seja diagnosticado com coronavírus, o cidadão permanecerá na unidade de saúde onde foi atendido, se não houver confirmação, ele será encaminhado para outro hospital da rede pública.

*VarelaNotícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário