Governo não prevê recessão e estima aumento no salário mínimo em 2021

O Governo Federal estimou, em documento enviado nesta última quarta-feira (15) ao Congresso Nacional, que o salário mínimo em 2021 deverá ser corrigido para R$ 1.079, um aumento de R$ 34 em relação ao atual.

Apesar de pesquisadores economistas preverem recessão para o Brasil por conta da crise coronavírus, o Governo estima que o Produto Interno Bruto (PIB) tenha uma leve alta de 0,02% em 2020. Para 2021, a previsão é de 3,3%, aumento que o PIB brasileiro não sofre desde 2011.

Segundo previsto, o salário mínimo não sofrerá reajuste real, levando em conta apenas a inflação medida pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor).

*Varelanotícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário