Nordeste entra em colapso em cerca de 15 dias, diz governador

O governador do Piauí, Wellington Dias (PT), disse ontem (29) na reunião do diretório nacional do partido que o sistema de saúde dos estados da região Nordeste do país pode entrar em colapso nos próximos 15 dias, com previsão de ocorrer entre os dias 15 e 20 de maio. Segundo ele, o número de casos identificados dobra a cada cinco dias, com aumento exponencial também das mortes.

As informações foram publicadas pela coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo. Dias falou ainda em um "efeito dominó" para a saturação dos hospitais, o que estaria evidenciado com doentes do Ceará e de Pernambuco, que já vivem uma emergência, sendo atendidos no Piauí.

Também presente na reunião, o governador baiano Rui Costa (PT) levantou questão sobre a crise financeira dos estados sem a ajuda federal. Dias foi categórico: “Eu aguento até 15 de maio, a partir daí é colapso”, segundo a coluna.

O governador da Bahia apontou que 12% dos infectados por coronavírus no estado são profissionais de saúde, o que está reduzindo a força de trabalho no front. Em seus cálculos, devido à falta de pessoal de equipamentos, o máximo que é possível expandir a rede é em 1.300 leitos. Por isso, ele advoga pelo isolamento social.

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário