SAJ: Prefeitura realiza fiscalização para coibir aglomerações durante pandemia

Uma das medidas adotadas pela Prefeitura de Santo Antônio de Jesus para evitar a propagação do COVID-19, novo coronavírus, foi o fechamento do comércio local, permitindo apenas que algumas empresas, de serviços essenciais, continuassem abertas desde que seguissem as regras de higiene e controle do fluxo de pessoas.
Embora a Prefeitura esteja constantemente orientando os estabelecimentos a cumprirem as medidas preventivas, denúncias tem chegado à Ouvidoria Geral do Município e a Prefeitura tem realizado fiscalizações por toda cidade desde o dia 23 de março.
A ação está sendo desenvolvida através das secretarias municipais de Infraestrutura, da Fazenda e Assistência Social, Vigilância Sanitária, Defesa Civil e Guarda Municipal em parceria com a Polícia Militar.
Nesta semana, lanchonetes e barracas de variedades na Feira Livre foram notificadas, além de lotéricas, bancos e correspondentes bancários, que não obedeciam às orientações quanto à distância entre as pessoas nas filas. Os gerentes de supermercados, farmácias e demais serviços essenciais vêm sendo orientados constantemente a seguirem as recomendações sanitárias estabelecidas nos decretos municipais.
Segundo a Defesa Civil, no início das fiscalizações havia uma média de 15 a 20 denúncias por dia, na segunda semana baixou para 5 e atualmente a concentração de denúncias está voltada para bares em bairros, onde as equipes de fiscalização tem atuado diariamente, fechando e notificando esses estabelecimentos.
Qualquer aglomeração de pessoas representa grande risco à saúde da comunidade e adotar as medidas sanitárias e de afastamento e isolamento sociais é um ato de cidadania e responsabilidade com todos. As denúncias quanto ao descumprimento das medidas decretadas devem ser realizadas via Direct no Instagram ou Facebook, ou ainda pelos telefones 199 ou 0800.284.4706.

Nenhum comentário:

Postar um comentário