Sites falsos sobre auxílio emergencial são derrubados e fraudadores “vão parar na cadeia”, alerta ministro

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, fez um alerta na manhã desta terça-feira (7) aos fraudadores que tentarem adquirir indevidamente o benefício do auxílio emergencial de R$ 600, pago pelo governo a trabalhadores informais impossibilitados de realizar suas atividades durante a pandemia do coronavírus no Brasil.
Ele afirmou que a Abin, Agência Brasileira de Inteligência, está atenta aos possíveis fraudadores e, se preciso, a Polícia Federal entrará em ação.

“Vários sites já foram derrubados. Fraudadores, vocês vão parar na cadeia. Nós vamos buscá-los, porque o presidente determinou que esses recursos são para as pessoas, não para fraudadores. Nós vamos derrubar esses sites e vamos atrás de cada pessoa que estão por trás desses sites para lesar quem precisa neste momento no Brasil. O sistema de segurança está reforçado e preparado para capturar tentativa de fraudes nesse programa”, afirmou o ministro.

*VarelaNotícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário