Taxa de letalidade do coronavírus na Bahia hoje pode levar a colapso na saúde até 15 de junho, estima secretário

O Secretário da Saúde de Salvador, Leo Prates, afirmou à Rádio Metrópole, ontem (27), que caso a Bahia siga com a taxa de letalidade de 8,6% para a Covid-19, o sistema de saúde entrará em colapso entre 31 de maio e 15 de junho.

A informação da taxa de letalidade foi divulgada pela manhã pelo secretário de Saúde do estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas.
"A gente precisa reduzir a 6% ou 7%, senão eu concordo com a leitura dele [Vilas-Boas], a gente vai ter um colapso no sistema de saúde entre 31 de maio e 15 de junho, se a taxa continuar em índices atuais de 8.6%", afirmou o secretário.

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário