Vale alimentação estudantil é aprovado na AL-BA; 86 novos municípios estão em estado de calamidade

O projeto de vale alimentação estudantil, que pretende levar o recurso a 800 mil estudantes da rede estadual de ensino, foi aprovada em reunião da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) nessa última terça-feira (14). O projeto encaminhado pelo governador Rui Costa terá um custo de R$ 44 milhões para o estado.
A medida visa beneficiar os estudantes, que estão com aulas suspensas, durante a pandemia de coronavírus.
Além disso, a AL-BA aprovou o estado de calamidade em mais 86 municípios baianos.
Agora, 272 cidades do estado tem o reconhecimento aprovado pela Casa. Aprovado o estado de calamidade, o Estado tem mais liberdade para administrar os gastos com saúde e educação, visando combater a emergência de coronavírus.

*varelanoticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário