Governo suspende contratos no exterior para compra de respiradores

O empresário Carlos Wizard, novo secretário do Ministério da Saúde, afirmou hoje que todos os contratos firmados no exterior para compras de respiradores foram suspensos. Segundo ele, a indústria nacional dará conta da demanda necessária para o combate ao coronavírus no Brasil.

"Fiz um trabalho gigantesco de prospecção de mercado nacional e internacional. E estipulamos que não pagaríamos mais de US$ 10 mil por aparelho. Quando passamos a estudar o cenário, os aparelhos que estavam vindo da China, Alemanha, Inglaterra... estavam por US$ 20 mil, US$ 30 mil", disse em entrevista para a CNN. "A partir daí, eu recomendei puxar o freio de mão e fortalecemos a indústria nacional".
O empresário foi convidado pelo ministro interino da Saúde, general Eduardo Pazuello, para assumir o comando da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos (SCTIE).

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário