Novos surtos de coronavírus na Espanha geram temores de 'segunda onda' na Europa

Em meio a temores de uma "segunda onda" de Covid-19 na Europa, a Espanha está adotando medidas para conter o novo aumento nos casos de coronavírus.

Apenas um mês após o país encerrar o estado de emergência, cidades como Barcelona, Saragoça e a capital, Madri, viram um aumento de novas infecções, o que levou o governo a alertar para o risco de uma nova onda da doença.

Segundo a BBC, a Catalunha proibiu o funcionamento de bares e discotecas à noite pelas próximas duas semanas. Outras cidades e regiões também estão testemunhando surtos.

O Reino Unido anunciou no sábado (25) que quem voltar da Espanha para o país terá que se isolar por 14 dias. A Noruega tomou medidas semelhantes, enquanto a França emitiu um alerta de viagem.
A França e a Alemanha lidam com um aumento no número de casos, enquanto outros países lutam para alcançar um equilíbrio entre conter novos surtos e reabrir a economia.

A alta no número de casos de coronavírus na Europa reflete uma tendência global, com 280 mil novas infecções nos últimos dois dias, um recorde.

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário