Receita disponibiliza consulta ao 3º lote de restituição do IR

A Receita Federal informou que vai abrir a consulta ao terceiro lote de restituição do Imposto de Renda 2020 para pessoas físicas nesta sexta-feira, 24, a partir das 9 horas. Mais de 3,9 milhões de brasileiros serão contemplados. O crédito bancário será realizado no próximo dia 31.

A consulta para saber se haverá restituição do imposto neste lote pode ser feita pela página da Receita Federal, informando o CPF e a data de nascimento. Também é possível fazer a consulta pelo telefone 146 ou pelo aplicativo da Receita para tablets e smartphones.

Para saber se caiu na malha fina, o contribuinte deve acessar o Portal e-CAC (Centro Virtual de Atendimento) e pedir o extrato da declaração do imposto pelo serviço Meu Imposto de Renda. Caso haja inconsistências de dados identificadas pelo sistema da Receita, o usuário deve emitir uma declaração retificadora.
Após a regularização, o contribuinte receberá a restituição nos lotes residuais do Imposto de Renda, se tiver direito.

Quem vai receber a restituição no terceiro lote:

Entre os contribuintes contemplados no terceiro lote da restituição do Imposto de Renda 2020, estão mais de 88 mil idosos acima de 80 anos, 646 mil com idade entre 60 e 79 anos, 47 mil contribuintes com algum tipo de deficiência física ou mental e 346 mil pessoas cuja maior fonte de renda seja o magistério. Além disso, outras 2,8 milhões são contribuintes não prioritários que entregaram a declaração até o dia 28 de março.

O total das restituições deste lote soma R$ 5,7 bilhões.

Confira o calendário de restituição do Imposto de Renda 2020:

1º lote: 29 de maio;

2º lote: 30 de junho;

3º lote: 31 de julho;

4º lote: 31 de agosto;

5º e último lote: 30 de setembro.

Prazo para resgate da restituição
A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, é preciso solicitá-lo pelo site da Receita, por meio do Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no Portal e-CAC, no serviço Meu Imposto de Renda.

Caso o valor não seja creditado na data prevista, o contribuinte pode entrar em contato com qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento por meio dos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

*notíciasaominuto/estadãoconteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário