SAJ: empresários do ramo de óticas fazem petição para que se enquadrem como ‘serviços essenciais’

Os empresários do ramo de óticas em Santo Antônio de Jesus, fizeram uma petição de requerimento para a inclusão da atividade como ‘serviço essencial’.
Em nota envia a administração municipal, justificam que as óticas se enquadram na mesma situação de essencialidade que outros estabelecimentos na área da saúde que estão funcionando neste momento de pandemia.
“É cientificamente comprovado, que óculos de grau servem para concertar a dificuldade de enxergar devido a algum problema de saúde, onde qualquer atraso na utilização das lentes para correção representa dano a saúde”.


Ainda conforme a nota, os maiores municípios brasileiros, a exemplo de São Paulo e Curitiba, alçaram a categoria como um serviço essencial para o enfrentamento da pandemia e que os produtos oferecidos são classificados pela Anvisa como tal.
Em nota os empresários se comprometem a observar as restrições sobre aglomeração de pessoas e obedecer as restrições sanitárias como: o uso de equipamentos de proteção individual, limite de clientes no interior da loja, higienização de objetos e oferta de álcool em gel para higienização das mãos.
Blogdovalente 

Nenhum comentário:

Postar um comentário