TCU enviará ‘casos escandalosos’ de fraude no auxílio emergencial ao Ministério Público Federal

O Tribunal de Contas da União (TCU) decidiu nesta última quarta-feira enviar ao Ministério Público Federal (MPF) a lista de nomes que receberam auxílio emergencial de forma indevida, para que seja investigado o cometimento de crime. As informações são da coluna de Guilherme Amado na revista Época.

“O plenário do TCU acaba de determinar que os nomes dos espertalhões que fraudaram o auxílio emergencial de R$ 600 sejam encaminhados ao MPF, para avaliação de suas responsabilidades no âmbito penal. Vamos tirar os coitados que estão na zona limítrofe e se cadastraram por ignorância”, disse Bruno Dantas, ministro do TCU e relator do caso.
*varelanotícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário