Vacina de Oxford contra a Covid-19 será testada em Salvador

A vacina contra a Covid-19 idealizada pela Universidade de Oxford e pela farmacêutica AstraZeneca será testada em Salvador. A informação foi divulgada pelo Instituto D'Or de Pesquisa e Ensino, que coordena o processo na Bahia.

De acordo com a cientista-chefe da Organização Mundial da Saúde (OMS), Soumya Swaminathan, esta é a vacina mais avançada em testagem no mundo. O projeto está entre as mais de 200 vacinas candidatas contra a Covid-19, das quais 15 já entraram na fase de testes clínicos, em humanos.

Com isso, Salvador passa a ser a terceira cidade brasileira com testes para a vacina. A capital baiana se junta a São Paulo e ao Rio de Janeiro, que desde o final de junho convidam voluntários para a aplicação das doses.
Os 5 mil voluntários que serão selecionados de Salvador devem ter entre 18 a 55 anos, precisam ser profissionais de saúde ou pessoas que tenham uma alta exposição ao Sars CoV-2, além de não terem sido contaminados até agora.

O recrutamento será feito pela internet através do site do Instituto D'Or. A seleção e o acompanhamento dos voluntários será no Hospital São Rafael.

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário