Black Friday antecipada? Lojas vão dar descontos de até 80% em setembro

Recessão, desemprego e dificuldades para se restabelecer. Estas três coisas se tornaram cada vez mais presente no dia a dia de inúmeros negócios desde o início da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), no dia 11 de março de 2020. Com as vendas em queda durante todo o ano, as empresas estão fazendo de tudo para cativar os clientes.

Com a segunda edição da Semana Brasil, evento com ofertas criado em 2019 pelo governo federal, e que tem os mesmos moldes da Black Friday, o país irá vivenciar um marco para a recuperação do comércio com uma das maiores temporadas de liquidação de sua história. O período oficial de descontos começará em 3 setembro e se estenderá até o dia 13.

Mesmo sendo um mês tradicionalmente de baixo apelo promocional, setembro é considerado pela Federação do Comércio de Bens e de Serviços do Estado da Bahia (Fecomércio-BA) como um importante termômetro de confiança que antecede o último trimestre de cada ano.
“A Semana Brasil tem a louvável iniciativa de aquecer as vendas no mês de setembro. Estamos numa fase em que as iniciativas promocionais para ajudar o varejo a sair dessa crise são fundamentais. Na capital baiana, que atravessa a fase 2 da retomada econômica, a ação chega em momento apropriado, com os shoppings centers em funcionamento”, salienta o presidente da Fecomércio, Carlos de Souza Andrade.

Em Salvador, um bom número de empresas vai participar da temporada de ofertas, afirma o presidente do Sindicato dos Lojistas do Comércio do Estado da Bahia (Sindilojas), Paulo Motta.

“Cabe a cada uma fazer individualmente suas ofertas de no mínimo 20 e no máximo 80% de descontos”, pontuou em entrevista ao Varela Notícias. Ainda de acordo com Paulo a expectativa é positiva para a retomada gradual e consistente da atividade varejista em todo o país.

A iniciativa é da Secretaria Especial de Comunicação Social do Ministério das Comunicações, conta com o apoio da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e está sendo coordenada pelo Instituto para Desenvolvimento do Varejo (IDV).

Segundo a CNC, a Semana Brasil é baseada em três pilares: colaboração, otimismo e oportunidade, sendo a primeira data comemorativa do varejo após a reabertura do comércio.

Os lojistas que desejarem aderir a iniciativa, encontram todo o material promocional disponível para download no site do evento.

*varelanotícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário