Cimatec e Russer são selecionadas para produzir ventilador pulmonar criado pela Nasa

O Senai Cimatec e Russer, empresa da área de saúde, foram selecionados pela Nasa para desenvolver e fabricar, no Brasil, um novo modelo de ventilador pulmonar, batizado pela agência agência aeroespacial norte-americana de VITAL. O equipamento foi projetado agência aeroespacial norte-americana de VITAL da norte-americana.

As iniciativas brasileiras foram selecionadas em uma chamada pública realizada pela Nasa. A escolha se deu entre 331 empresas de todo o mundo, sendo 30 brasileiras. O Senai e a Russer integram o grupo das 30 selecionadas e são as únicas brasileiras.

A seleção permite a nacionalização do produto, além de parceria para realizar melhorias e adequação do ventilador às especificações nacionais. No Brasil, o equipamento será batizado como Vida e foi o primeiro a ser homologado no mundo, de acordo com o Senai.

Um dos objetivos do Senai Cimatec com a parceria é arrecadar recursos de instituições e empresas para doar cerca de 50 ventiladores para os estados e os municípios brasileiros. Já a Russer, que tem mais de 35 anos de experiência na indústria médica, será a fabricante do equipamento.

A autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para produção do ventilador ocorreu na segunda-feira (17). O lançamento oficial do novo equipamento acontece na próxima seguda-feira (24), através de transmissão online, com presença de representantes da Nasa, do Senai Cimatec e ada Russer.

*bahianotícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário